Formula 1.6: Pegando Fogo!!!

O fim de semana foi movimentado em terras gaúchas, foi disputado a 11ª e 12ª etapa da Fórmula 1.6, no Autódromo de Guaporé, em Guaporé.

Marcello Giacomello não teve um fim de semana tão bom. Conseguiu a pole, mas perdeu a liderança do campeonato.

No sabado, iniciou com a pole de Marcelo Giacomello (Scuderia Macchina), com 1.13.552s, seguido por Cali Crestani (Cegel Racing), com 1.14.135s. Na Light, Vinicius Schüller (Novosul Power) conquistou a pole, com 1.14.151s, seguido por Gabriel Kenji (Novosul Power), com 1.14.529s. O desempenho dos JQ Reynard da Novosul Power esta muito perto dos Techspeed da A.

Cali Crestani foi outro que não teve muita sorte nessa etapa.

A primeira prova foi disputada, já na largada, houve um enrosco entre Marcelo Giacomello e Cali Crestani, que eram seguidos por Fernando Stédile (Stédile Racing) e Antonio Grasselli (Grasselli Racing). A prova teve como vencedor, Antonio Grasselli. Na Light, Vinicius Schüller venceu, com Gabriel Kenji em segundo e Romulo Escouto (Nafta Motorsports) em terceiro.

Vinicius Schüller esta já com as duas mãos no campeonato.

Na segunda corrida, teve como pole, Alexandre Bragagnollo (Grasselli Racing), mas o que surpreendeu (nem tanto), foram os pegas entre Antonio Grasselli, Marcelo Giacomello, Fernando Stédile e Marciano Testa (Novosul Power). A categoria parece que chegou a seu melhor, mas surpreende seus espectadores com pegas cada vez melhores e corridas emocionantes.

A MC Tubarão já entrou bem  na categoria. Geciel da Andrade conseguiu a volta mais rápida da prova, com 1.14.369s.

Essa etapa tambem contou com a vinda de uma nova equipe, a MC Tubarão, já conhecida equipe de prototipos daqui do sul. Disputara a categoria com um Techspeed, e seu piloto sera o já conhecido multicampeão das 12 horas de Tarumã, Geciel de Andrade, que nessa etapa, cravou o recorde da prova, 1.14.369s. Na próxima etapa, já haverá um segundo piloto da MC Tubarão, Rafael Zapelini correra na equipe com um Minelli M3, novo.

O Techspeed de Michel Duarte ainda é o único dos 1.8 na categoria. Mas na próxima etapa é esperado mais dois.

Com os carros da Fórmula São Paulo, Michel Duarte continua com o único carro com kit da F-SP (1.8/Hewland), nesta prova, ele teve alguns problemas com o carro , mas conseguiu acompanhar os carros da A por 8 voltas. Na próxima etapa, se espera mais dois pilotos com estes carros, o carioca Gustavo Camilo e o paranaense Thomas Hann.

A categoria tem melhorado a cada corrida. Quando parece que já esta bom, eles conseguem melhorar.

O campeonato esta muito acirrado, Rodrigo Gonzalez assumiu a liderança do campeonato , com 132 pontos, seguindo ele, esta Marcelo Giacomello, com 131 pontos, um ponto de diferença do lider, atras estão Cali Crestani e Antonio Grasselli estão empatados, com 112 pontos. Na Light, Vinicius Schüller, mantem a liderança isolada, com 218 pontos, Gabriel Kenji assumiu a segunda posição, com 135 pontos, em terceiro, esta Romulo Escouto, com 110 pontos.

O Velopark vos espera.

A proxima etapa será no Velopark, dia 16 de Setembro.

Anúncios

2 comentários sobre “Formula 1.6: Pegando Fogo!!!

  1. A melhor volta do fim de semana não foi do Geciel(Tiel) de Andrade. A volta em 1.14:369 foi do Marcelo Giacomello na primeira prova. O Geciel fez a melhor volta da segunda prova. De qualquer forma muito obrigado por divulgar a F1.6.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s